BLOG MEDPREV

13 cuidados antes de fazer o exame de próstata

Seguir todos os cuidados antes de fazer o exame de próstata é fundamental para garantir que os resultados não sejam falsamente alterados. Saiba o que fazer.

Grande parte dos exames médicos e laboratoriais demanda algum tipo de preparo para que não haja uma falsa alteração dos resultados. Por isso, hoje nosso assunto são os cuidados antes de fazer o exame de próstata.

Quando falamos em “exame de próstata”, estamos nos referindo às duas técnicas de abordagem inicial para a detecção de problemas nesse órgão, ou seja, ao exame de toque retal e à dosagem de PSA – ambos solicitados pelo urologista, que está disponível pelo MEDPREV.

Esses exames podem identificar alterações associadas a condições benignas, como a prostatite (inflamação da próstata) ou o hipercrescimento causado pelo avanço da idade, e a alterações que podem representar um câncer.

Cuidados antes de fazer o exame de toque retal

Neste método de diagnóstico, o urologista insere um dedo enluvado e lubrificado na via retal do paciente com o objetivo de detectar alterações no tamanho, no formato e na consistência da próstata.

Apesar de ainda ser alvo de muito preconceito, trata-se de um procedimento corriqueiro, rápido, indolor e que pode salvar vidas, pois um câncer detectado em estágio inicial tem muito mais chances de cura. Assim, é essencial estar bem preparado para o exame, de modo que o médico possa perceber qualquer sinal de problema. Conheça os principais cuidados antes de fazer o exame de próstata:

1. Estar com a higiene em dia

Uma forma de tornar o exame menos constrangedor é tomar um banho ou pelo menos higienizar a região anal externamente, de modo a se sentir mais à vontade. Não se devem fazer duchas internas.

2. Evacuar antes do exame

Este não é um cuidado obrigatório, mas o paciente pode se sentir mais confortável ao seguir essa medida. Caso não haja oportunidade, porém, não se preocupe, pois o médico está mais do que acostumado a lidar com resíduos fecais.

3. Tomar laxantes somente com orientação

O urologista poderá solicitar ao paciente que tome um laxante para limpar o intestino e o reto antes do exame, mas isso só deve ser feito se houver recomendação médica;

4. Informar ao médico sobre qualquer problema no ânus

Hemorroidas, fissuras e outras lesões na região anal podem tornar o exame doloroso, por isso é importante avisar o urologia para que ele saiba a melhor forma de dar prosseguimento à avaliação.

5. Conversar com pessoas próximas

O exame de toque é absolutamente normal e não afeta a sexualidade de ninguém. Contudo, se você se sentir muito constrangido, vale a pena conversar com pessoas próximas que já fizeram esse procedimento para se tranquilizar. As mulheres, que estão acostumadas a exames ginecológicos, também podem ajudar.

Cuidados antes de fazer a dosagem de PSA

O PSA (sigla para o termo em inglês que significa “antígeno prostático específico”) é uma proteína produzida pela próstata que, em níveis elevados, pode indicar condições como inflamação, crescimento benigno ou câncer.

A dosagem de PSA é feita em uma amostra de sangue coletada em laboratório, e seus resultados são complementares aos do exame de toque retal, não sendo possível substituir um pelo outro.

A estimulação ou a movimentação da próstata podem causar uma alteração de volume temporária na glândula, resultando em níveis falsamente elevados de PSA. Dessa forma, a preparação para o exame consiste em evitar, por alguns dias, as atividades que podem afetá-la. Conheça os principais cuidados:

6. 4 a 8 horas antes

Fazer jejum (ingerir apenas água) por no mínimo 4 horas e idealmente por 8 horas.

7. 24 horas antes

Evitar atividades físicas como treino na academia e corrida.

8. 48 horas antes

Não ejacular (seja durante a relação sexual ou masturbação), não andar de bicicleta, motocicleta ou a cavalo e não utilizar a bicicleta ergométrica.

9. 72 horas antes

Não utilizar supositório, não fazer exame de toque retal e não ter feito sondagem uretral.

10. 5 dias antes

Não ter feito cistoscopia (exame da bexiga realizado com a inserção de um endoscópio pela uretra).

11. 7 dias antes

Não ter feito ultrassom transretal.

12. 15 dias antes

 Não ter feito colonoscopia.

30 dias antes

Não ter feito biópsia da próstata.

***

É importante lembrar que cada laboratório pode solicitar cuidados diferentes antes da coleta de sangue para a dosagem de PSA, por isso você sempre deve verificar as orientações com o próprio centro de diagnóstico.

Seguir os cuidados antes de fazer o exame de próstata é fundamental para que os resultados sejam os mais verdadeiros possíveis. Portanto, não hesite em conversar com o médico para esclarecer qualquer dúvida sobre esses procedimentos.

 Fonte(s): Lanac, Minuto SaudávelDNACenter

posts relacionados
7 hábitos saudáveis que melhoram a qualidade de vida e saúde masculina
Leia mais...
Vacina faz bem ou mal à saúde? 7 mitos e verdades sobre vacinação
Leia mais...