DIAGNÓSTICO POR IMAGEM

DIAGNÓSTICO POR IMAGEM

O que é diagnóstico por imagem?

Diagnóstico por imagem é a especialidade da medicina que utiliza diversas tecnologias para obter imagens do interior do corpo, permitindo fazer a identificação de anomalias e o acompanhamento de condições e tratamentos sem a necessidade de cirurgias.

Os diferentes tipos de exames de imagem empregam tecnologias como radiação, ondas sonoras e campos magnéticos para possibilitar a visualização das estruturas internas do paciente.

Quais são os principais tipos de exames de imagem?

Os diversos tipos de exame de imagem podem ser utilizados para o estudo de praticamente todas as partes do corpo e a identificação de uma infinidade de alterações. Conheça os principais:

Raio X

O exame de raio X utiliza um feixe de radiação que atravessa a pele e a gordura e é absorvido em diferentes intensidades por outras estruturas do corpo, conforme a composição de cada uma.

A porção desses raios que não é absorvida chega até um filme fotográfico ou detector digital, sendo então convertida em imagens bidimensionais dos órgãos internos. De acordo com a densidade de cada estrutura, a imagem apresentará diferentes tonalidades de cinza, permitindo diferenciar tecidos sadios e lesões.

Algumas das principais possibilidades da radiografia são identificar cáries; detectar desvios, fraturas e tumores nos ossos; diagnosticar uma pneumonia e investigar o câncer de pulmão.

Ultrassonografia/Ecografia

A ultrassonografia ou ecografia utiliza as ondas de ultrassom para formar imagens do interior do corpo. Ao atingir as estruturas internas, essas ondas são refletidas conforme a composição de cada tecido e dão origem a um eco, que é então convertido em imagens com diferentes intensidades de cinza.

Dessa forma, a ultrassonografia/ecografia serve para a avaliação de órgãos como mamas, ovários, útero, tireoide, fígado, pâncreas, próstata e rins, entre outros, permitindo a diferenciação de tecidos normais e eventuais alterações (por exemplo, inflamações, infecções, cistos, nódulos, pólipos e câncer).

Além disso, por não utilizar radiação ionizante, a ultrassonografia é um exame seguro para confirmar a gestação e monitorar o desenvolvimento do feto.

Tomografia Computadorizada

A tomografia computadorizada é um exame de imagem que utiliza os raios X, assim como as radiografias. Contudo, em vez de gerar apenas uma imagem em duas dimensões da região estudada, a tomografia produz aproximadamente 600 “cortes” ou “fatias”.

Esses “cortes” são combinados por meio de softwares e, assim, dão origem a imagens tridimensionais e muito mais detalhadas do que aquelas fornecidas pela radiografia simples. Por isso, a tomografia é um exame de imagem muito mais avançado que o raio X.

Geralmente, a tomografia computadorizada é solicitada pelo médico para o estudo dos ossos e do pulmão, embora também possa ser utilizada para outras finalidades. Algumas das principais condições que podem ser avaliadas por meio desse exame são:

  • Sinusites e outros problemas relacionados às cavidades nasais e seios da face;

  • Pneumonia e outras doenças dos pulmões;

  • Anomalias nos canais auriculares;

  • Desgastes dos discos intervertebrais e hérnia de disco;

  • Traumatismo craniano;

  • Câncer de pulmão, mediastino, ossos e cérebro.

Ressonância Magnética

A ressonância magnética é um exame de imagem muito avançado, com qualidade semelhante à da tomografia computadorizada. Contudo, seu mecanismo de diagnóstico é totalmente diferente, pois a ressonância não utiliza raios X.

Em vez de radiação ionizante, esse exame emprega um campo magnético e ondas de radiofrequência que interagem com os átomos de hidrogênio das estruturas internas do corpo e emitem sinais de diferentes intensidades.

Por meio de programas de computador, esses sinais são transformados em “cortes” ou “fatias” em duas dimensões, os quais são combinados para formar imagens tridimensionais com alta nitidez e nível de detalhamento.

Algumas das possibilidades de investigação da ressonância magnética são:

  • Distúrbios neurológicos como esclerose múltipla, epilepsia, malformações dos vasos sanguíneos do crânio e mal de Alzheimer;

  • Alterações vasculares como coágulos, trombose, hemorragia, aneurisma e derrame;

  • Inflamações, infecções, massas e câncer em ossos, articulações, fígado, estômago, pâncreas, ovário, rins, bexiga, próstata e cérebro.

Onde fazer exames de imagem em Curitiba?

Exames de raio X, ultrassonografia/ecografia, tomografia computadorizada e ressonância magnética devem ser realizados em centros de saúde ou clínicas especializadas em diagnóstico por imagem ou radiologia.

Esses locais contam com a equipe e as máquinas necessárias para a realização do exame e a emissão do laudo com as imagens e os possíveis diagnósticos, que deverá então ser encaminhado ao seu médico.

Dirija-se à unidade MEDPREV mais próxima ou utilize nossas plataformas digitais para encontrar uma clínica de diagnóstico por imagem em Curitiba e agendar seu exame por valores mais acessíveis.

Marcar Exame ou Consulta
O MedPrev oferece mais de 200 especialidades, exames, cirurgias e procedimentos por valores acessíveis
+ de 60 unidades
do MEDPREV espalhadas por todo o Brasil
Localizar Unidade
AGORA AINDA
MAIS FÁCIL

Com o aplicativo MEDPREV
em poucos cliques você  
agenda sua consulta

Quero cadastrar

Receba nossas novidades e soluções
para a sua saúde, cadastre-se já!