CIRURGIA PLÁSTICA

CIRURGIA PLÁSTICA

Cirurgia plástica é a especialidade médica que se dedica a remodelar ou reconstituir uma parte do corpo com o objetivo de corrigir deformidades e restabelecer o bem-estar físico e emocional do paciente. Ela pode ter finalidade estética ou reparadora. 

A cirurgia plástica estética é a intervenção realizada quando o paciente deseja melhorar um aspecto de sua aparência que não traz prejuízo funcional, mas que pode representar um problema para a saúde psicológica. Este é o caso de características como orelha de abano, ossinho do nariz proeminente e barriga saliente, por exemplo.

A cirurgia plástica reparadora, por sua vez, é feita com a finalidade de reparar uma deformidade de nascença ou adquirida (em função de doenças, acidentes, queimaduras e outros traumas) que traz prejuízos para a função de uma ou mais partes do corpo. 

Alguns exemplos são o lábio leporino, a remoção de pele pós-bariátrica e a reconstrução de mama em mulheres que passaram por mastectomia devido ao câncer. Vale mencionar que nem sempre existe uma distinção clara entre a cirurgia plástica estética e a cirurgia plástica reparadora.

O que faz um cirurgião plástico?

O cirurgião plástico é o médico que se especializou em cirurgia geral e em cirurgia plástica e foi certificado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. É importante ressaltar que não existe especialização reconhecida em cirurgia estética no Brasil.

O cirurgião plástico é o profissional mais preparado para realizar cirurgias plásticas estéticas e reparadoras, de modo a restabelecer o equilíbrio entre as proporções e os traços do paciente e promover seu bem-estar biopsicossocial. 

As cirurgias plásticas mais comuns são:

  • Abdominoplastia (barriga);
  • Blefaroplastia (pálpebras);
  • Correção de cicatrizes (queloides, hipertróficas, contraídas, irregulares etc.);
  • Correção de lábio leporino;
  • Ginecomastia (crescimento anormal da mama em homens);
  • Gluteoplastia;
  • Implante capilar;
  • Lifting facial (ritidoplastia);
  • Lipoaspiração;
  • Lipoescultura;
  • Lobuloplastia (lóbulo da orelha rasgado);
  • Mamoplastia de aumento (prótese de silicone nas mamas);
  • Mamoplastia de redução (redução de mamas);
  • Mastopexia (lifting de mamas);
  • Mentoplastia (queixo);
  • Ninfoplastia (cirurgia íntima feminina);
  • Otoplastia (orelha de abano);
  • Reconstrução da mama pós-mastectomia;
  • Reconstrução da pele pós-queimadura;
  • Remoção de câncer de pele;
  • Remoção do excesso de pele pós-bariátrica;
  • Rinoplastia (nariz);
  • Transplante capilar.

Além disso, o cirurgião plástico pode realizar procedimentos minimamente invasivos, também conhecidos como procedimentos estéticos, tais como: 

  • Carboxiterapia; 
  • Dermoabrasão; 
  • Harmonização facial; 
  • Laser; 
  • Luz pulsada; 
  • Microagulhamento; 
  • Peelings; 
  • Preenchimentos; 
  • Toxina botulínica.

Quanto custa uma cirurgia plástica?

O preço de uma cirurgia plástica só pode ser estabelecido depois que o paciente passou por uma avaliação presencial com o especialista. Caso a necessidade seja confirmada, os valores dependem das técnicas que serão utilizadas e da clínica de cirurgia plástica escolhida, incluindo valores referentes a internamento, anestesia e honorários médicos.

De modo geral, os planos de saúde e a rede pública nem sempre cobrem todos os custos de uma cirurgia plástica, principalmente aquelas com finalidade estética.

Uma boa solução para isso é utilizar o site ou o aplicativo do MEDPREV para marcar sua consulta com um cirurgião plástico em Curitiba por valores populares e saber mais sobre quanto custa o procedimento.

Marcar Exame ou Consulta
O MedPrev oferece mais de 200 especialidades, exames, cirurgias e procedimentos por valores acessíveis
+ de 60 unidades
do MEDPREV espalhadas por todo o Brasil
Localizar Unidade
AGORA AINDA
MAIS FÁCIL

Com o aplicativo MEDPREV
em poucos cliques você  
agenda sua consulta

Quero cadastrar

Receba nossas novidades e soluções
para a sua saúde, cadastre-se já!