BLOG MEDPREV

O que causa varizes?

Entender o que causa varizes e saber como evitar esses fatores é uma das melhores formas de diminuir as chances desse problema aparecer.

Você sofre com varizes? Em alguns casos, as varizes são apenas incômodos estéticos, mas elas também podem levar a consequências mais graves, como dores, flebite e trombose. Entender o que causa varizes é uma das melhores formas de saber como se prevenir contra esse problema.

Se você ou alguém da sua família tem varizes, você já sabe reconhecê-las: são aquelas veias mais grossas e tortas que se localizam logo abaixo da pele, principalmente nas pernas e nos pés. Essa dilatação das veias acontece por causa do acúmulo de sangue nesses locais quando a pessoa tem alguns fatores que podem prejudicar a circulação.

No caso dos vasinhos, que são uma variação mais leve das varizes, o problema pode ser apenas estético. Porém, quem tem varizes mais sérias pode apresentar sintomas como dor, ardor, sensação de peso nas pernas, inchaço nos pés, tornozelos e pernas e até mesmo mudanças na coloração da pele dessas regiões.

COMO SURGEM AS VARIZES?

O corpo humano tem dois tipos de vasos que transportam o sangue: as artérias, que levam o sangue cheio de oxigênio do coração para o restante do corpo, e as veias, que trazem o sangue com gás carbônico de volta para o pulmão e o coração.

Se você pensar nas veias dos pés e das pernas, você vai perceber que elas precisam trabalhar contra a gravidade para fazer com que o sangue retorne para o coração, e é por isso que nós temos as válvulas.

Essas estruturas têm um funcionamento parecido com uma bomba-d’água que empurra o sangue para cima e impede que ele volte. Porém, em alguns casos, as válvulas podem apresentar defeitos, e isso faz com que o sangue retorne para baixo. O resultado disso é o acúmulo de sangue nas veias, que ficam dilatadas e tortas, formando as varizes.

O QUE CAUSA VARIZES? SAIBA QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS FATORES

Existem vários fatores que aumentam o risco do surgimento das varizes, mas o principal deles é a predisposição genética. Ou seja, se seus pais, tios e avós sofrem com varizes, você tem uma chance maior de também desenvolver esse problema.

Isso acontece porque podemos herdar uma tendência a ter veias mais frágeis, mais propensas a se transformarem em varizes quando são expostas a outros fatores de risco. Conheça outras causas para o surgimento das varizes:

1. Ser mulher

Alguns hormônios femininos, como a progesterona, favorecem a dilatação das veias, diminuem a força das paredes dos vasos e dificultam o funcionamento das válvulas responsáveis pelo retorno venoso.

Por causa disso, as mulheres apresentam entre 2,5 a 3 vezes mais chances de desenvolver varizes do que os homens.

2. Gravidez

Durante a gravidez, os níveis dos hormônios femininos que naturalmente aumentam as chances de varizes sobem ainda mais, piorando a tendência a esse problema.

Além disso, o aumento do volume do útero pode provocar uma compressão das veias intra-abdominais, o que também favorece essa condição.

3. Idade

As varizes são raríssimas nos bebês, de forma que a passagem do tempo é um fator bastante importante para o surgimento desse problema. Em geral, a dilatação das veias começa a partir dos 30 anos, ficando cada vez mais comum conforme envelhecemos.

Um dos motivos para isso é que, com a idade, o colágeno das paredes das veias começa a diminuir, deixando-as mais frágeis e mais propensas a dilatar.

4. Obesidade e excesso de peso

Assim como acontece na gestação, quando o útero comprime as veias intra-abdominais, isso também pode acontecer com as pessoas obesas.

Neste caso, é o excesso de gordura que vai provocar o aumento do volume do abdômen, prejudicando o bom funcionamento dessas veias.

5. Sedentarismo

Além das válvulas que empurram o sangue das pernas de volta ao coração, nosso corpo tem mais dois mecanismos para ajudar esse processo: trata-se da bomba plantar e da bomba da panturrilha.

A bomba plantar consiste no impacto cada vez que pisamos no chão, provocando um bombeamento do sangue dos pés em direção ao coração. A bomba da panturrilha, por sua vez, consiste na contração dos músculos dessa região quando caminhamos, que também empurra o sangue para cima.

Agora ficou fácil entender: quando não praticamos exercícios, nosso corpo deixa de contar com dois dos três mecanismos que garantem o retorno venoso, aumentando o volume de sangue nas veias dos membros inferiores e causando as varizes.

6. Ficar muito tempo na mesma posição

Pessoas que trabalham o dia todo sentadas acabam sofrendo uma compressão das veias das pernas, represando o sangue na panturrilha e favorecendo as varizes.

Aquelas que trabalham em pé sem se movimentar muito, como os vendedores, também podem sofrer mais com o problema. Isso acontece porque a força da gravidade dificulta a subida do sangue pelas veias, e ele tende a se acumular nas pernas.

TRATAMENTO DAS VARIZES

Ao consultar um médico vascular, os pacientes com varizes podem ser orientados a fazer exercícios físicos, emagrecer, elevar as pernas sempre que possível, evitar utilizar roupas muito apertadas e utilizar meias de compressão (cada paciente tem uma indicação diferente desse acessório).

Além dessas medidas, também pode ser necessário recorrer a tratamentos invasivos, como escleroterapia, laser, aplicação de espuma, microcirurgia e cirurgia para retirar a veia safena nos casos mais graves.

Saber o que causa varizes é o primeiro passo para adotar hábitos saudáveis, como evitar o sedentarismo e a obesidade, e diminuir os riscos de desenvolver esse problema.

Fonte(s): Minha Vida, Cuidados pela Vida e Terra

Entender o que causa varizes é uma das melhores formas de saber como se prevenir contra esse problema

Tags: Saúde, cuidado do corpo, medprev, hospital, clínicas, agendamento, varizes

Voltar para   BLOG MEDPREV

posts relacionados
7 hábitos saudáveis que melhoram a qualidade de vida e saúde masculina
Leia mais...