BLOG MEDPREV

MEDPREV presente no mutirão social Curitiba que Não Dorme

Evento foi realizado na última semana de setembro e pela primeira vez visitantes tiveram acesso a serviço de assessoria jurídica.

No último dia 25 de setembro a Prefeitura Municipal de Curitiba promoveu mais uma edição do mutirão social “Curitiba que Não Dorme”. O evento foi realizado na Praça Rui Barbosa, no Centro da capital paranaense, e contou com o apoio do MEDPREV.

O mutirão é voltado para pessoas em situação de rua e na edição do último mês, além dos serviços habituais, pela primeira vez foi ofertado ainda assessoria jurídica aos visitantes. 

MEDPREV com participação efetiva

Em sua sétima edição, o mutirão social “Curitiba que Não Dorme” ofereceu diversos serviços para o público, incluindo assessoria jurídica, doação de armações de óculos e lentes, atendimento odontológico, doação de kits de higiene, corte de cabelo, atendimento médico e palestras sobre dependência química.

Em um espaço reservado, dois advogados orientavam e faziam encaminhamentos para órgãos como Defensoria Pública, Ordem dos Advogados do Brasil e juizados especiais. Um dos profissionais foi gentilmente cedido para a ação pelo MEDPREV.

“O que fazemos aqui é a advocacia pro bono, uma atividade voluntária para atendimento a pessoas que de alguma forma se sentem excluídas, seja pela falta de informação ou por não conseguirem acessar um escritório de advocacia”, explicou o advogado Acyr de Gerone, que trabalha no MEDPREV, parceira do mutirão social na área de saúde.

Outras empresas presentes no mutirão

Além do MEDPREV, outras empresas participaram da ação social. É o caso da Ótica Diniz, que pela primeira vez participou desse evento. A empresa doou 15 armações com lentes para aqueles que foram atendidos e encaminhados por um profissional de oftalmologia, também presente no mutirão.

GIRLÂNIA GOMES DOS SANTOS CRESS -PR Nº 7041 ASSISTENTE SOCIAL

Gerson Pereira, 50 anos, foi ao mutirão pela segunda vez para pegar os óculos que ganhou, depois de passar pela avaliação médica, em agosto. “Eu ‘tava’ precisando. Gosto muito de ler, mas embaçava tudo”, contou o homem. Operador de máquinas desempregado, Pereira mostrou ainda a prótese dentária que fez depois de ser atendido no mutirão social do mês passado.

A rede de farmácias Descontão ofereceu kits de higiene para os participantes. Já as comunidades terapêuticas ofereceram acesso a tratamentos de desintoxicação. Serviços como corte de cabelo, barba e sobrancelha também estivam disponíveis.

Por fim, estavam disponíveis ainda cadastramento para recebimento de benefícios sociais, cadastro de voluntários, informações sobre cursos de qualificação profissional e encaminhamentos para o Sistema Nacional de Emprego (Sine).

O mutirão social reuniu ainda serviços da FAS, da Fundação Cultural, da Secretaria de Meio Ambiente, da Defesa Social, da Secretaria de Saúde, Esporte, Lazer e Juventude e da Assessoria de Direitos Humanos.

Participaram ainda voluntários da Cruz Vermelha, do Instituto dos Óculos/ONG Visão Perfeita, da rede de farmácias Descontão, além de comunidades terapêuticas, e as igrejas Metodista Bacacheri, Sara Nossa Terra, Quadrangular, Assembleia de Deus, Metodista, Batista e ABBA.

Os mutirões promovidos pela Prefeitura Municipal de Curitiba são realizados todos os meses, no Centro de Curitiba. O MEDPREV apoia essa iniciativa desde o início, pois acredita na importância de oferecer serviços como esse à sociedade, em especial àqueles em situação de necessidade.

posts relacionados
MEDPREV reforça sua missão em promover o acesso à saúde em ações sociais
Leia mais...