Blog

Bem-estar

Dia Mundial da Saúde Mental: como preservar a saúde mental na pandemia?

Desde 1992 a Federação Mundial de Saúde Mental instituiu o dia 10 de outubro como o Dia Mundial da Saúde Mental. A proposta da data é chamar a atenção da […]

saúde mental na pandemia

Desde 1992 a Federação Mundial de Saúde Mental instituiu o dia 10 de outubro como o Dia Mundial da Saúde Mental. A proposta da data é chamar a atenção da população, por meio de ações educativas, sobre a importância de buscar soluções para esse problema que acomete pessoas de todas as idades. Tendo em vista o momento que vivemos, é inevitável pensar em saúde mental na pandemia.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera a saúde mental uma prioridade e defende que ela não pode ser caracterizada estritamente como um problema de saúde. A ausência de doenças psicossomáticas é apenas uma das possibilidades. A partir do momento que o indivíduo reconhece suas capacidades e limitações e consegue perceber o seu papel social, torna-se agente de sua própria história.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 31% a 50% da população brasileira pode vir a apresentar pelo menos um episódio de transtorno mental durante a vida. Em um cenário como o da pandemia de coronavírus pela qual estamos passando, essa probabilidade tende a se agravar.

Como preservar a saúde mental na pandemia?

O bem-estar físico e mental depende de um conjunto de fatores. Entretanto, dedicar um tempo para si mesmo e relaxar, praticar exercícios físicos e ter boas noites de sono é fundamental para se sentir bem disposto e, a partir disso, ter mais tranquilidade para tomar decisões e encarar a vida.

Fatores negativos como estresse, má alimentação, trabalho em excesso, noites mal dormidas ou consumo de bebidas alcoólicas em excesso podem minar a sua capacidade produtiva e cognitiva. Como consequência, problemas que se acumulam podem deixá-lo mais ansioso ou nervoso.

1. Busque auxílio profissional

Se conversar com muitas pessoas não é uma alternativa para você, então recorrer à terapia é uma forma de ampliar a sua compreensão sobre esse momento. A partir do diálogo com profissionais refletimos com mais clareza sobre nossos sentimentos e nos preparamos melhor para enfrentar as adversidades.

Você pode agendar uma consulta com um psicólogo ou terapeuta no Medprev. Durante a pandemia, quando a recomendação é sair de casa somente se for necessário, muitos profissionais estão prestando atendimento online, o que torna o contato ainda mais simples. Invista na sua saúde para passar bem por esse período difícil.

2. Tenha momentos de lazer

O trabalho em regime de home office faz com que muitas pessoas passem mais tempo se dedicando às tarefas corporativas. A vida pessoal e profissional passa a ser uma linha quase imaginária. Saber se organizar e respeitar horários para si mesmo é fundamental, caso contrário você pode acabar se tornando um escravo do trabalho.

Tenha um tempo para si mesmo. Adotar algum hobby e descansar por períodos significativos é fundamental para reestabelecer as energias. Tenha em mente a seguinte divisão: oito horas para o trabalho, oito horas de sono e oito horas para você. Use seu tempo com a família ou com algum passatempo que o faça se sentir relaxado.

4. Não se deixe levar pelo alarmismo

É importante estar sempre informado sobre as formas de prevenção contra o coronavírus e sobre o funcionamento do dia a dia da sua região. Entretanto, esse é um período no qual infelizmente as notícias são predominantemente negativas. Consumir informação em excesso pode contribuir para deixá-lo mais ansioso e angustiado.

Portanto, filtre melhor aquilo a que você assiste ou lê. Tenha um horário fixo para consumir notícias e não passe o tempo todo em função delas. Busque atividades que possam desenvolver uma perspectiva mais positiva, como cursos online ou a leitura de livros. Aproveite para colocar no papel as suas metas e sonhos para os anos seguintes.

…..

O cuidado com a saúde mental deve ser diário. Uma série de fatores influencia diretamente na maneira como nos comportamos e encaramos o mundo. Tente manter o equilíbrio e não descuide nenhuma das áreas da saúde para manter a qualidade de vida. Sempre que necessário, procure um médico para realizar exames clínicos e laboratoriais, além de obter conselhos que possam ajudá-lo a ter uma vida mais saudável.

Dicas de saúde, novidades e soluções no seu e-mail, cadastre-se já!

Fique tranquilo, não enviamos spam para nossos pacientes.