BLOG MEDPREV

Mito ou verdade: a banana evita câimbras?

Por ser rica em potássio, muita gente acredita que a banana evita câimbras. Será que o segredo para ficar longe desses espasmos dolorosos está mesmo nessa fruta?

Não importa se foi um jogador de futebol profissional que caiu em campo devido a uma câimbra ou se foi você que sentiu esse incômodo ao praticar sua série na academia: sempre vai aparecer alguém aconselhando a comer uma banana, pois essa fruta é rica em potássio. Mas será que a banana evita câimbras mesmo ou isso não passa de mito?

De fato, a banana é uma fruta cheia de benefícios para o nosso corpo e realmente pode ajudar em alguns casos de câimbra, mas, por si só, ela não é garantia de que estaremos livres desses espasmos musculares.

O que são as câimbras?

A câimbra é uma dor súbita e paralisante originada por uma contração muscular involuntária que pode acometer qualquer parte do corpo, mas que geralmente atinge a panturrilha (batata da perna), a parte de trás da coxa, os pés e as mãos.

Esse espasmo violento pode durar de segundos a minutos, e o mais comum é que surja durante ou depois de um exercício físico extenuante, quando sofremos de fadiga muscular.

Causas da câimbra

As causas da câimbra ainda são objeto de estudo, mas já se sabe que elas são mais frequentes quando se combina a desidratação com o desequilíbrio eletrolítico, o que inclui a insuficiência de cálcio, sódio, potássio e magnésio.

Esse é um efeito comum quando uma pessoa com pouco preparo físico realiza exercícios muito puxados, pois seus músculos experimentam a fadiga devido à insuficiência de água, sais minerais e também de algumas vitaminas (como B1, B5 e B6).

Além disso, uma oxigenação insuficiente pode levar à fadiga muscular devido ao acúmulo de ácido lático – uma espécie de lixo metabólico resultante da quebra da glicose para gerar energia em condições de baixo oxigênio no sangue. Assim, uma respiração incorreta durante os exercícios também contribui para o surgimento do problema.

Contudo, mesmo para quem leva uma vida sedentária, a perda de água, sódio e outros sais minerais pelo suor e pela urina também pode dar origem às câimbras noturnas.

Esses espasmos musculares também podem ser resultado da gestação (devido ao peso adicional, às alterações na circulação sanguínea e à compressão dos nervos e vasos pelo bebê) e de condições e doenças como diabetes, anemia, hipotireoidismo, alcoolismo, hipoglicemia, insuficiência venosa e cirrose hepática.

O uso de alguns medicamentos diuréticos (furosemida), broncodilatadores para a asma (salbutamol), reguladores da pressão (nifedipina) e para controlar o colesterol (lovastatina) também podem favorecer as câimbras.

A banana evita câimbras?

Mais ou menos. A banana é rica em água, potássio e carboidratos (que fornecem glicose). Dessa forma, em teoria ela poderia ajudar a combater as câimbras por ajudar a manter a hidratação do corpo, fornecer energia aos músculos e repor os níveis de potássio – mas isso nem sempre se confirma.

Embora o potássio seja o mineral mais lembrado quando falamos em câimbras, sua insuficiência está mais relacionada à fraqueza e à paralisia muscular do que às contrações involuntárias. Enquanto isso, os elementos que mais parecem estar envolvidos nas câimbras são o sódio, o cálcio e o magnésio.

Dessa forma, comer uma banana antes ou durante os exercícios pode ajudar a prevenir ou cessar a câimbra principalmente se a causa for a falta de energia. Se a origem do espasmo for o desequilíbrio eletrolítico, a fruta ajuda a repor apenas o potássio – de modo que o sódio, o cálcio e o magnésio ainda vão ficar faltando.

E, é claro, se a câimbra for causada por outras condições, a banana não oferece nenhuma vantagem especial em relação a outros alimentos.

Como evitar as câimbras

A melhor forma de prevenir as câimbras durante e depois dos exercícios físicos é garantir um bom condicionamento, manter uma hidratação adequada, seguir uma dieta que forneça todos os elementos necessários e fazer alongamentos antes e depois dos treinos.

Já para espasmos originados por problemas de saúde ou pelo uso de medicamentos, a solução envolve o tratamento da doença ou a substituição dos remédios – sempre com acompanhamento médico.

Ou seja, quando alguém nos diz que a banana evita câimbras, isso realmente tem um fundo de verdade, mas essa fruta não é suficiente para garantir que nunca vamos sofrer com essas contrações musculares tão dolorosas.

Fonte(s): O Globo, Saúde, Tua Saúde, MD Saúde e SO Nutrição

Tags: Saúde, cuidado do corpo, medprev, hospital, clínicas, agendamento, alimentos, esportes, banana, comida, exercícios físicos, câibra, câimbra, câibras, câimbras

Voltar para   BLOG MEDPREV

posts relacionados
Vacina faz bem ou mal à saúde? 7 mitos e verdades sobre vacinação
Leia mais...